sexta-feira, 31 de agosto de 2007

Fonte de inspiração...

A tristeza ainda não fugiu... teima em esconder-se em recantos bem escondidos em mim! Mas o olhar voltou a sorrir, assim como a vontade de lutar! Afinal o que é a vida se não uma luta constante para se alcançar metas, atingir objectivos, realizar sonhos, enfrentar perigos? O que é a vida se não uma mistura por vezes explosiva de sentimentos e emoções?
Nem sempre os conseguimos controlar, muito menos evitar, mas olhando para ti, meu amor pequenino, sinto que de facto o mais importante, realmente, é continuar... continuar a acreditar que ainda é possível a alegria, o sorriso, o brilho no olhar, a ternura e a inocência!
O nosso dia tem sido preenchido por muito mimo, muito carinho (quase parece que me ouviste o pedido!), muita brincadeira e, acima de tudo, por muita gargalhada. E assim o meu dia transformou-se... num mar calmo e doce!
--
Acordar abraçada a ti, sentir os teus bracinhos à volta do meu pescoço, as tuas mãozinhas no meu rosto, o teu olhar no meu...
Vestir-te ao som das tuas gargalhadas alegres e transformar-te numa bela princesa retirada da mais bela história de encantar...
Tentar adormecer-te a meio da tarde mas não conseguir porque sou sufocada pelo teu mimo e abraços contantes, pelo teu riso e olhar contagiantes...
Ouvir-te, agora, a rir enquanto preenches o teu imaginário com as personagens mágicas e as cores fortes dos teus desenhos animados...
E continuar, assim, o meu dia, rendida ao encanto e à sedução do teu rosto, perdida por entre a ternura dos teus miminhos...
--
E é tão bom!
--
(Obrigada, meu amor, por seres realmente tu quem me dás a força necessária para poder continuar, sem ter medo de quedar perante o egoísmo por vezes tão cruel do Mundo que nos rodeia! Obrigada por me fazeres sentir capaz de sufocar as lágrimas, destruir a trsiteza, eliminar as preocupações!
És o ser mais belo que existe, és linda, doce, meiga, a minha fonte de inspiração...)

6 comentários:

docinho disse...

Eu tb não sei... tb fiz cesariana e a epidural foi dada logo no início das dores ; ))

Beijos iguais

Cláudia disse...

Só quem não tem filhos é que pode dizer que não os quer ter... Não sabem como pode ser bom, cansativo mas reconfortante...

Acho que me fiz perceber...lol
bjs grandes

María&Peste disse...

Os filhos são a nossa melhor dádiva. Sem dúvida!

Bjnhos grandes

dangerously in love disse...

os nossos amores pequeninos fazem-nos sentir a cada dia um amor enorme..sempre a aumentar..e são eles que nos põem um sorriso na cara quando as lágrimas ou um olhar triste teimam em querer chegar...nao sei o que se passa..mas forcinha!!! beijocas de volta

Maria disse...

Os filhos são realmente uma grande fonte de força e de inspiração para lutarmos no dia a dia.

Manela disse...

Hoje tb estou triste, mt triste.
temos de ter força.
Bjs grande para ti