sábado, 9 de janeiro de 2010

Afectos...

(foto retirada)
.
Se até há muito pouco tempo, a mamã era o centro do seu Mundo e dos seus afectos, se para tudo ou mais alguma coisa, por mais insignificante que fosse, a minha presença era a mais desejada, ultimamente assisto enternecida (e com uma pontinha de cíume!:)) ao nascer de uma cumplicidade encantadora entre a princesa e o papá!
A mamã continua, sem sombra de dúvidas a dar o colo necessário para que as lágrimas cessem, a mamã continua a ser a companhia exigida para quando o sono é interrompido a meio de uma noite, mas o papá agora é o maior!
Se por um lado deixar de ter exclusividade na expressão dos teus carinhos deixa-me nostálgica, por outro sinto-me orgulhosa e embevecida quando vejo os abraços que trocam, os mimos que partilham, as brincadeiras que juntos inventam, os beijos que lhe roubas quando ele está prestes a sair do quarto à noite antes de ficarmos as duas à espera que o sono te leve para o mundo mágico dos sonhos, o constante o meu papá é lindo, o meu papá é o maior, o meu papá é giro!
Nos últimos anos, pouco tempo passavas com o papá, embora a tua adoração por ele sempre tenha existido! Agora que ele está mais presente, a vossa cumplicidade cresce a cada dia que passa e acredita, meu amor, que esse laço deixa-me muito feliz!
No fundo, a vossa relação sempre foi uma linda e frágil flor, a quem somente faltava ser "regada" pelo necessária e justa partilha de momentos de carinho e afectos...
-
Amo-vos muito!

1 comentário:

Isabel disse...

É bom ver os nossos filhos a solidificar as relações com os papás!
Um beijinho grande!