sábado, 7 de novembro de 2009

De ti...

.

A pouco tempo dos teus cinco anos, as lágrimas teimam encher os meus olhos de saudades da minha bebé...
O tempo passa e só me apetece parar e ficar, horas a fio, a deliciar-me com a tua imagem!
Nestas alturas, milhares de recordações vêm-me à cabeça... relembro a ansiedade de te conhecer, a aflição de não saber cuidar de ti, o pavor de não ser capaz de passar do papel de filha para mãe e, mais que tudo, o pavor de não conseguir fazer de ti uma menina Feliz!
Quando olho para ti, sinto que alguns dos meus receios eram infundados pois sei que mesmo não sendo a melhor Mãe do Mundo, sou a que consigo ou sei ser, com defeitos, é certo, mas ciente de que é a que te ama mais que tudo, a que se perde no teu olhar e enternece com a tua beleza e ternura!
Olho para ti e vejo-te tão grande já... tudo em ti cresceu, de forma assustadora, como a Amor que sinto por ti!
Admiro-te muitas vezes em silêncio e pergunto-me como pude fazer da sementinha que em mim foi desabrochando uma flor tão bonita, de feições tão delicadas, de uma perfeição comovente! Sei que és minha, que de mim ainda dependes para muita coisa, mas assusta-me o tempo em que não precisarás mais do meu colo ou aquele em quererás voar pelas tuas próprias asas, que começam lentamente a mover-se em desejos de aventuras e descobertas!
Assusta-me o tempo que passa e que tantas vezes desperdiçamos... queria ser capaz de segurar em cada pedacinho que ainda resta da minha bebé e guardar-te eternamente para mim...
-
A pouco tempo dos teus cinco anos, comovo-me perante a rapidez do teu crescimento, delicio-me com a ternura do teu sorriso, orgulho-me pelo facto de ter conseguido superar a maior parte dos meus receios, espanto-me com a delicadeza das tuas feições...
És tão bonita, meu amor, será que algum dia tu conseguirás aperceber-te da imensidão dos meus sentimentos por ti?
.
Amo-te tanto, mas tanto... para sempre!
.

1 comentário:

beedrill disse...

embora a tua borboleta um dia queira voar nunca vai deixar de se prender ao ninho com tanto amor que lhe transmites será impossivel...beijos grandes