sábado, 1 de novembro de 2008

Hoje...

-
Este dia é quase sempre passado de mãos dadas com as recordações, com as memórias, com as saudades de quem ainda, no nosso coração, não partiu...
Este dia é quase sempre passado abraçada às lembranças que lentamente voltam à superfície, que emergem sorrateiramente do mar revolto do meu coração...

-
Dói sim, machuca...

Percebemos que a pouco e pouco vamos ficando sozinhos neste mundo, longe dos abraços, dos rostos, dos afectos que ternamente preencheram a nossa vida de Amor e Carinho...

Constatamos que o Amor realmente é eterno, mas que a ausência física não nos deixa alegrar com o facto de sabermos que lá em cima, no céu escuro da saudade, várias estrelinhas brilham hoje mais intensamente... a sussurar-nos meigamente que, apesar da dor que sentimos, é desta saudade, destas memórias, destas ausências, destas recordações que vamos crescendo e aprendendo a enfrentar o Mundo!

3 comentários:

Cila disse...

Beijo doce

Isabel disse...

Minha querida,

desculpa a minha ausência por estas paragens...
um grande beijinho!!!
Espero que tu a a tua linda princesa estejam bem!!!!

Carla Santos disse...

um beijo muito especial de quem também sabe do que falas

beijos da carla :)*